16 de jan de 2009

Lula e líderes sindicais reúnem-se para discutir demissões

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva reúne-se segunda-feira (19) com representantes de centrais sindicais para discutir as demissões decorrentes da crise financeira mundial. Os sindicalistas suspenderam por dez dias as negociações com os empresários para evitar mais dispensas.

“Quero saber o que eles [sindicalistas] estão pensando para saber o que o governo, os empresários e os sindicatos podem fazer conjuntamente para evitar que uma crise financeira nos Estados Unidos venha trazer prejuízos para o povo brasileiro”, disse o presidente em Ladário, Mato Grosso do Sul, após encontro com o presidente da Bolívia, Evo Morales.

Lula afirmou que algumas empresas conseguiram fazer acordos “mais qualificados” com seus empresários, citando, como exemplo, as montadoras francesas Peugeot e Renault.

Apesar das medidas adotadas, Lula disse que o governo ainda tem de resolver a questão da falta de crédito. Ele explicou que 30% do crédito das empresas brasileiras eram provenientes do exterior. Com a crise financeira culminando nos países ricos, elas recorreram ao sistema financeira nacional, que não conseguiu suprir a demanda maior.

O presidente Lula reafirmou que anunciará novas medidas até o final do mês para estimular o consumo e evitar o desemprego. “Vamos trabalhar atentamente para que o Brasil saia perfeitamente bem dessa crise”, garantiu.

Da Agência Brasil

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...